Faça o seu orçamento e receba nossa Qualidade

Construção civil deve gerar 150 mil postos de trabalho. Saiba como se capacitarAtrai aditivos para concreto, cimento e argamassa

Written by: ATRAI

A construção civil deve gerar 150 mil postos de trabalho

O cenário é otimista para o setor de construção civil em 2020. De acordo com a Sondagem Industria da Construção de dezembro de 2019, realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), há expectativa de crescimento ainda no primeiro semestre, com aumento do número de empregados, além do surgimento de novos empreendimentos e serviços.

O aquecimento do setor imobiliário tem reforçado essas previsões. De acordo com indicadores da CBIC, o número de lançamentos de imóveis residenciais no Brasil subiu 23,9% no terceiro trimentre de 2019, em relação ao mesmo período do ano anterior. O setor deve crescer ainda 3%, o que representa um potencial de criação de mais de 150 mil postos de trabalho e de 500 mil empregos indiretos.

Entre as oportunidades estão as de ajudantes, eletricistas, encanadores, carpinteiros, pedreiros e, na sequência, as de profissionais de nível técnico e superior, especialmente, engenheiros. No entanto, segundo o gerente-executivo de Educação Profissional do Senai, Felipe Morgado, não existe mais espaço para o trabalhador apenas executar o trabalho tradicional. A procura é por mão de obra qualificada e comprometida, profissionais que se envolvem e detêm conhecimento. Ele ainda ressalta que a instituição tem cursos que preparam os alunos de acordo com as necessidades da indústria.

“O insumo para a estruturação dos cursos é resultado do trabalho de um Comitê Técnico Setorial, integrado ao Senai, formado por representantes de empresas, de instituições públicas e sociedade civil organizada, que identifica e elabora os perfis profissionais a partir de metodologia desenvolvida pelo Senai”, explica.

Veja onde buscar qualificação

Confira abaixo os cursos oferecidos pelo Senai. Para mais informações, acesse www.mundosenai.com.br.

Armador de Ferro

Carga horária: 180h
Competência geral: confeccionar armações em aço, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisito de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Carpinteiro de Obras

Carga horária: 160h
Competência geral: confeccionar formas, escoramentos e estruturas auxiliares, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Carpinteiro de Estruturas de Telhado

Carga horária: 160h
Competência geral: construir estruturas de telhados de madeira, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Desenhista Técnico de Edificações

Carga horária: 160h
Competência geral: desenhar projetos de arquitetura e engenharia seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Gesseiro

Carga horária: 200h
Competência geral: construir paredes, forros, revestimentos e acessórios em gesso, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Pedreiro de Alvenaria

Carga horária: 160h
Competência geral: construir alvenarias com e sem função estrutural, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Montador de Sistemas de Construção a Seco

Carga horária: 300h
Competência geral: montar paredes, forros, revestimentos, escadas, coberturas e elementos decorativos utilizando componenetes do sistema de construção a seco, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: ter concluído a 5ª série ou 4º ano do ensino fundamental

Pedreiro de Revestimento

Carga horária: 160h
Competência geral: executar revestimento argamassado em cerâmico, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Pintor de Obras Imobiliárias

Carga horária: 160h
Competência geral: executar pintura de obras imobiliárias, seguindo normas técnicas de qualidade, saúde, segurança, meio ambiente e procedimentos técnicos.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Mestre de Obras

Carga horária: 300h
Competência geral: supervisionar as etapas de execução em canteiro de obras e participar na execução do planejamento da obra. Criando condições para garantir a qualidade, segurança no trabalho e a preservação ambiental
Requisitos de acesso: experiência comprovada, no mínimo de 3 anos, em função qualificada na área da Construção Civil.

Eletricista em Instalações Prediais

Carga horária: 240h
Competência geral: executar instalações e manutenções elétricas prediais de baixa tensão, respeitando procedimentos e normas técnicas ambientais, de qualidade, saúde e segurança.
Requisitos de acesso: idade mínima 18 anos e ter concluído o 5º ano do ensino fundamental.

Instalador Hidráulico

Carga horária: 180h
Competência geral: executar instalação e manutenção de sistemas hidrossanitários, respeitando procedimentos e normas técnicas, ambientais, de qualidade, saúde e segurança.
Requisitos de acesso: idade mínima 18 anos e ter concluído o 5º ano do ensino fundamental.

Serralheiro de Alumínio

Carga horária: 160h
Competência geral: executar a fabricação, instalação e manutenção de elementos diversos em alumínio, respeitando procedimentos e normas tecnicas, ambientais, de qualidade, saúde e segurança.
Requisitos de acesso: idade mínima 18 anos e ter concluído o 5º ano do ensino fundamental.

Vidraceiro

Carga horária: 160h
Competência geral: executar instalação e manutenção de vidros e seus componentes em edificações, respeitando procedimentos e normas técnicas ambientais, de qualidade, saúde e segurança.
Requisitos de acesso: idade mínima 18 anos e ter concluído o 5º ano do ensino fundamental.

Instalador Predial de Tubulação a Gás Combustível

Carga horária: 220h
Competência geral: executar instalações prediais de gás combustível e sua manutenção, respeitando procedimentos e normas técnicas ambientais, de qualidade, saúde e segurança.
Requisitos de acesso: idade mínima 18 anos e ter concluído o 5º ano do ensino fundamental.

Técnico em Edificações

Carga horária: 1.200h
Competência geral: desenvolver projetos de edificações, planejar e coordenar tecnicamente a execução da obra, considerando as normas técnicas de segurança e saúde do trabalho, bem como legislações específicas, assegurando as condições de qualidade, produtividade e meio ambiente.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Técnico em Edificações

Carga horária: 1.200h
Competência geral: desenvolver projetos de edificações, planejar e coordenar tecnicamente a execução da obra, considerando as normas técnicas de segurança e saúde do trabalho, bem como legislações específicas, assegurando as condições de qualidade, produtividade e meio ambiente.
Requisitos de acesso: estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.

Trabalho em altura

O fato de trabalhar em altura envolve riscos, responsabilidades, compromissos e obrigações para a empresa, empregadores e para o próprio operário. No entanto, nem sempre todos os envolvidos têm conhecimentos suficientes para executar essa função em segurança. Por isso, o Serviço Social da Indústria da Construção do Rio de Janeiro (Seconci-Rio) — associação civil, sem fins lucrativos — oferece o curso sobre “Trabalho em Altura (NR 35)” a profissionais da área.


A inscrição pode ser feita pelo telefone 2443-8226 ou pelo e-mail [email protected], sendo gratuita para trabalhadores de empresas que fazem o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional no Seconci, com limite de dois candidatos por empresa. Estudantes de construção civil pagam R$ 175, mediante comprovante, e os demais, R$ 250.

Com carga horária de 8h, realizada em apenas um dia (das 8h às 17h), o curso será ministrado nos dias 24 e 31 de janeiro de 2020, no CPCC -Centro Profissional da Construção Civil (Estrada dos Bandeirantes, 2.443 – Curicica, próximo à Estação Bandolim do BRT) e engloba aulas teóricas e práticas.

O conteúdo abrange disciplinas como “Normas e regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura”; “Análise de Risco e condições impeditivas”; “Sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva”; “Condutas em situações de emergência, incluindo noções de técnicas de resgate e de primeiros socorros” e “Acidentes Típicos em Trabalhos em Altura”, entre outras.

Fonte:Link para matéria original



Atrai aditivos para concreto e argamassa

Os aditivos para concreto são incorporados na mistura entre cimento, água, areia e brita para dar características especiais ao concreto. Essas substâncias alteram as propriedades do material no estado fresco e thumbendurecido, podendo ser exploradas para ampliar as qualidades e minimizar possîveis desvantagens das misturas sem os aditivos.
O concreto aditivado pode ter sua trabalhabilidade, resistência, compacidade, entre outras propriedades, melhoradas, bem como permeabilidade, retração e absorção de água reduzidas.

Algumas das substâncias utilizadas na composição do concreto aditivado são os superplastificantes, retardadores de pega, aceleradores de pega e incorporadores de ar, entre outros. O preparo pode ser feito tanto em centrais, no modelo de concreto usinado, quanto nos canteiros de obras.

Conheça o ATRAI BLOCK

O ATRAI BLOCK é um aditivo concreto semi-seco e age alterando as propriedades físicas e químicas da água tornando melhor sua reação com o cimento.

Comments

There are no comments

Post a comment